Filmes da semana

11:48



The Simpsons, EUA, 2007. De Matt Groening. Com Homer Simpson, Marge Simpson, Bart Simpson, Lisa Simpson, Maggie Simpson. 105 min. aprox. Comédia.

Os Simpsons, foi uma experiência inusitada. Não esperava tanto do filme, achei que seria igual ao desenho, mas logo no começo já fui surpreendida com a cena da família mais engraçada da TV dentro de um cinema, assistindo a um filme daquele gato e rato que eles adoram ver pela TV. De repente, Homer levanta e grita: "Porque paguei pra ver esse filme se posso assistir a mesma coisa de graça em minha casa?". Daí pra frente, você só ri com esse pai desastrado.
A história do filme se resume na premonição em que o pai de Homer fez dentro da Igreja. Ele começa a gritar palavras desconexas e em um dado momento aponta para Marge. Ela fica intrigada com as coisas que o sogro diz e fica alerta a qualquer sinal. Ea vida da família muda quando o chefe da família leva um porco para casa.

Cena impagável: Bart andando de skate nu por Springfield.



No Reservations, EUA /Austrália, 2007. De Scott Hicks. Com Catherine Zeta-Jones, Aaron Eckhart, Abigail Breslin. 104 min. Comédia.

Este filme é a refilmagem do alemão Simplesmente Martha, que é simplesmente lindo. O que me deixou um pouco chateada ao assistir esse filme, foi que muitas falas foram copiadas do filme alemão. Não, não estou exagerando. Dias antes assisti o original. Mas na essência o filme americano é mais alegre, mais colorido, fala menos de comida.
Zeta-Jones é a chef de um restaurante bem conceituado de Nova York, rígida consigo e com suas comidas, ela é obrigada por sua chefe a fazer terapia para mudar seu temperado forte. Sua sobrinha, interpretada por Abigail Breslin (Pequena Miss Sunshine), vai morar com ela após a morte da mãe. Ao mesmo tempo, sua chefe contrata um cozinheiro extravagante para ajudá-la. Com esses ingredientes a comédia romântica gira em torno das relações entre os três personagens e as consequências de mudanças em nossas vidas.



Meu tio matou um cara, Brasil, 2004. De Jorge Furtado. Com Darlan Cunha, Lázaro Ramos, Deborah Secco, Dira Paes, Aílton Graça. 87 min. Comédia.

Meu Tio Matou um Cara é um filme jovem, uma comédia romântica e policial na qual Duca (Darlan Cunha), de 15 anos, faz de tudo para provar a inocência do tio (Lázaro Ramos), preso ao confessar ter matado um cara. Duca tem certeza de que o tio está assumindo o crime para livrar a namorada, Soraia (Deborah Secco), ex-mulher do morto. E, no meio de toda essa ação, Duca ainda tenta conquistar o coração de Isa (Sophia Reis), uma colega de escola que parece estar mais interessada em seu melhor amigo, Kid (Renan Gioelli). Duca envolve os dois na investigação e no final... bom, aí só vendo o filme.

You Might Also Like

2 pensamentos