04:58

ela, abandonada, clama por meu nome
fecho a ferida, sem pensar em mais nada,
busco seu encontro nas escuridão,
apenas sua voz me guia,
confio em ti.
confias em mim?
não duvides da estaca que arde a pele
e sangra a alma.
perco voz, ando lentamente,
perco-me na imensidão,
feliz é aquele que busca paixões e a encontra.

You Might Also Like

0 pensamentos